Participando do Curso

Clóvis, outrora chefe dos francos nos remotos anos do século V para VI, ao adentrar na Igreja em que seria batizado, exclamou, extasiado, ao santo bispo que o introduzia no recinto sagrado: “pai, já é o Céu?”.

Com efeito, a belíssima Catedral, especialmente decorada para o augusto sacramento que ali se realizaria, era um espelho, um reflexo do Céu empíreo, dentro da qual o grande rei dos francos antegozou as delícias celestes.

De certa forma, os alunos que ontem, pela primeira vez, entraram na Basílica de Nossa Senhora do Rosário, no seminário dos Arautos (Thabor), puderam exclamar como Clóvis! E a resposta a esta pergunta nos é dada pelo santo bispo (São Remígio) que acompanhara o monarca: “ainda não é o Céu, mas é o caminho para nele chegar!”.

Mas, não só a Basílica, e sim todo o ambiente deste abençoado local que é o Thabor, aonde quase mil jovens participam de um Curso de Férias, nos faz lembrar o céu. Lá no Céu deve haver um excelente convívio, um trato de uns para com os outros todo feito de bondade e zelo. E isso é o que já experimentamos nesse primeiro dia! O que nos espera para os demais… Talvez pelas fotos de hoje vocês possam imaginar um pouquinho “os amanhãs”.