Sapna Tracy

—  Se a senhora não começa logo a radioterapia deixará órfãos seus outros sete filhos!

— Há muitas pessoas de bom coração que podem cuidar dos meus outros sete filhos. Mas esse que trago em mim, só eu posso dar-lhe a vida.

Os médicos não insistiram mais. Sapna Tracy deu efetivamente à luz seu novo filho. Pouco mais de um ano depois, exatamente neste último Natal de 2017, entregou sua alma a Deus.

Sapna Tracy, católica, indiana, 43 anos é essa mãe-coragem. Católica praticante, conforme palavras do Arcebispo de Faridabad – disse aos médicos que “se sua vida era digna de valor, o mesmo valia para sua filha por nascer”.

INSPIRADA NO EVANGELHO

Sapna com esposo e filhos – No colo a menina por quem ela deu a vida

O mesmo Arcebispo afirmou que “o casal católico— pois o marido de Sapna apoiava inteiramente a sua decisão – recebeu sua inspiração da mensagem do Evangelho”.

O ato heroico de Sapna comoveu a Índia. De seu enterro participou uma multidão, e, nela o Arcebispo já citado, bem como o Arcebispo de Thrissur, além de inúmeros sacerdotes.

 

Com informações das agências de notícias internacionais como Asia News, LifeNews:

http://www.asianews.it/noticias-es/En-Kerala,-muere-Sapna-Tracy,-la-madre-pro-vida-que-se-neg%C3%B3-a-abortar-para-salvarse-42685.html

http://www.lifenews.com/2017/12/27/mother-of-7-dies-who-refused-cancer-treatment-to-save-her-unborn-baby-like-me-the-baby-has-a-right-to-life/

 

Ilustrações: Reprodução da imprensa internacional