Resgatando o tempo perdido

Numerosas pessoas comentam o tempo que perdem indo ou voltando do trabalho, da faculdade e de outros percursos nas grandes cidades. Alguém observou que o geral das pessoas passa o tempo olhando o mesmo trajeto que já conhecem incontáveis vezes. Um olhar praticamente sem fruto, inútil. Poucos aproveitam para ir constituindo um tesouro: rezar o Rosário.

Caso você tenha perdido o hábito de rezá-lo, ou “não tenha tempo”, aproveite esse tempo perdido: reze o Rosário.

Para incentivá-lo, as considerações que seguem podem lhe ser úteis. Continue lendo Resgatando o tempo perdido

Rosário: as 15 promessas

A prática da oração do Rosário foi difundida originalmente por São Domingos de Gusmão, a quem Nossa Senhora o entregou como poderosa arma contra os hereges de seu tempo.

Séculos mais tarde, aparecendo ao Beato Alano de la Roche, a Santíssima Virgem fez a todos aqueles que rezassem o Rosário as seguintes promessas: Continue lendo Rosário: as 15 promessas

Frases oportunas de São Pio de Pietrelcina

— Nas tentações, combata com coragem. Nas quedas, humilhe-se, mas não desanime.

— O Santo Rosário é a arma daqueles que querem vencer todas as batalhas.

— Aquele que procura a vaidade das roupas não conseguirá jamais se revestir com a vida de Jesus Cristo.

— Você dirá o mais belo dos credos quando houver noite em seu redor, na hora do sacrifício, na dor, no supremo esforço duma vontade inquebrantável para o bem. Este credo é como um relâmpago que rasga a escuridão de seu espírito e no seu brilho o eleva a Deus.

— O passado não conta mais para o Senhor. O que conta é o presente e estar atento e pronto para reparar o que foi feito.

— Temos muita facilidade para pedir, mas não para agradecer.

— Deus sempre nos dá o que é melhor para nós.

— Lembre-se de que os santos foram sempre criticados pelas pessoas deste mundo.

— Esforce-se, mesmo se for um pouco, mas sempre.

 

Ilustração: Arautos do Evangelho

O Rosário e o Reino de Maria

Nas aparições de Fátima, Nossa Senhora pediu aos três pastorinhos que fosse diariamente rezado o Santo Rosário. Que tesouros encerra esta devoção para ser tão do agrado de Maria Santíssima?


.
.
.
.

Continue lendo O Rosário e o Reino de Maria

QUEREMOS REALMENTE A PAZ?

Paz! Paz! — Poucas vezes em toda a História da humanidade se ouviu tanto este brado… e poucas vezes tivemos tanta falta dela.

Para não irmos mais longe, quantos e quantos dos que leem estas linhas, ao sair de casa pela manhã, recearam, alguma vez, não voltar vivo, ou ao menos íntegro, sem ter sido assaltado, por exemplo.

Chegando mais perto, Continue lendo QUEREMOS REALMENTE A PAZ?

É bom lembrar

No Congresso Eucarístico de Filadélfia (EUA) em 1976 o testemunho do Pe. Hubert Shiffer,SJ, sobrevivente de Hiroshima, chamou enormemente a atenção.

Como é de conhecimento geral, em 1945 os americanos lançaram bombas atômicas sobre Hiroshima e Nagasaki. Em Hiroshima, num raio de um quilometro e meio tudo foi arrasado e as pessoas carbonizadas. Entretanto, a 800 metros do centro da explosão uma casa permaneceu de pé, e seus oito ocupantes nada sofreram. Era a casa paroquial dos jesuítas.

Desde a explosão até o dia do testemunho em 1976, cerca de 200 cientistas investigaram o caso cuidadosamente, procurando a causa da não destruição e do fato dos oito jesuítas residentes não terem sofrido nada, nem no momento da explosão nem posteriormente as sequelas da exposição à forte radiação atômica. No momento do testemunho todos os oito gozavam de boa saúde.

O Pe. Shiffer atribui a salvação de suas vidas à proteção da Virgem Maria:

— Eu estava no meio da explosão atômica e estou aqui são e salvo. Na casa poupada pela explosão fazíamos uma coisa todos os dias: rezávamos o Santo Rosário. Por isso fomos protegidos por Nossa Senhora.

* * *

Em Nagasaki, o convento fundado por São Maximiliano Kolbe foi poupado bem como seus ocupantes. A razão que deram foi a mesma: “Rezávamos o Rosário diariamente”.

Peçamos a Nossa Senhora uma semelhante fé no poder de sua intercessão através especialmente do Rosário.

.

Fontes: http://www.corazones.org e “LOS ANGELES TIMES” de 6 de agosto de 1957.

Anjo ou Padre?

O “Anjo”: Pe. Patrick Dowling

“A história que fascinou o país por vários dias” assim se referiram os jornais americanos — e do exterior — a um acidente automobilístico ocorrido no domingo, 4 de agosto, numa rodovia do estado de Missouri, nos Estados Unidos.

Hoje, dia dos Santos Anjos da Guarda, temos a alegria de transmitir os fatos então ocorridos: um fenômeno muito curioso que atraiu a atenção dos que o assistiram, tendo ampla repercussão na mídia.

Continue lendo Anjo ou Padre?

Feriado de Nossa Senhora Aparecida

Aproveitando este feriado fizemos o famoso almoço com as famílias, com a presença de mais de 160 pessoas.

O evento começou com a celebração da Santa Missa e em seguida um teatro contando a história do Rei que graças a oração do Rosário se salvou de uma dificil situação.

[Gallery not found]